domingo, 30 de maio de 2010

Lucy's Pet

Lucy's Pet
Is a big bad wolf
And noone in the school
Believed she'd such a mean wolf

Lucy's Pet
Is a big bad wolf
And when kids at school
Called her "freak!" and "weirdo"
She then brought her pet
A big big bad wolf

Lucy's pet
Who's a big bad wolf
Bite and chewed
Tore and slashed
The then humbled kids
Who asked for Lucy's forgiveness

Lucy's pet
Is a big bad wolf
Closed its ears to the cries
While he stole away their lives

The wolf isn't actually a wolf.
He is a monster.

Once the kids laughed.
Now they're dead.


(Esta semana não deu para dedicar tanto tempo à ilustração. Com Beja e tudo isso, apenas deu para dedicar uns 30 minutos na segunda para desenhar, e hoje 2 horinhas para pintar).

HADOUKEN!

7 comentários:

  1. Totalmente show este trabalho

    gosto muito

    abraço
    raz

    ResponderEliminar
  2. Impecável amor :) Parabéns!! xD

    ResponderEliminar
  3. Olá Ricardo!

    Para o tão pouco tempo que tiveste para criar essa ilustração, conseguiste realizar um trabalho muito bom, pois criaste um desenho bem conseguido, onde apesar de ter gostado bastante do ar sinistro da menina, tenho de realçar a besta monstruosa que está por detrás dela, pois está muito bem criada graficamente!

    Gostei também do detalhe do laço no pêlo da criatura, o qual demonstra o quanto que ela é um animal de estimação da menina e que funciona como um contraste entre a sua ferocidade e a sua mansidão!

    Os meus parabéns! :)

    ResponderEliminar
  4. Ricardo,
    Se essa ilustração foi feita em pouco tempo, então os meus parabéns redobrados, porque está plenamente conseguida. Sinceramente não sei o que é que é mais sinistro: se o grande lobo, se a menina. Porque atrás daquela expressão, palpita-me que se esconde um verdadeiro terror. É na verdade uma ilustração muito bem feita que ilustra muito bem o poema que publicaste.

    ResponderEliminar
  5. O lacinho rouba o espectáculo...

    lol...

    ResponderEliminar
  6. Obrigado amor, Raz, Paulo e João Amaral. O tempo realmente não é muito, mas acho que isto tem sido o extremo benefício que o blog me tem dado: já consigo em menos tempo conseguir resultados minimamente agradáveis. Mais uma vez, obrigado pela força. Receber palavras de apreço de artistas de quem admiro o trabalho é, como diria a Mastercard, priceless!

    @Mr. Oni: Macho!!!

    ResponderEliminar